E começou o Fashion Rio. Gosto de acompanhar a cobertura do GNT, tenho esse lado mulherzinha (porque não?) e não nego.
Chris Nicklas ontem fez matéria sobre a nova tendência dos cabelos. Depois da mulherada ter enchido o cabelo de formol e esvaziado o bolso em escovas definitivas, progressivas, japonesa e sei-lá-mais-qual-tipo a moda agora são os cachos.
Deve existir alguém, com poder de ditar tendências e por trás dessa indústria da moda que se diverte muito a custa dos outros, né não?
Mas devo confessar: A-D-O-R-O estar na moda.

**
Banca de jornal no Centro anuncia: “Melancia a venda, fatia a R$10,99.”
Aproveito para um comentário rápido: de tudo que a mulher-fruta representa, existe uma e APENAS UMA coisa que eu acho boa. Com seus quilos a mais e na capa de revista masculina quebrando recordes de venda, ela deve estar ajudando a levantar a auto-estima de muita mulher brasileira-voluptuosa por aí sem nenhuma vocação para Gisele Bundchen. Vamos aclamar a beleza em sua diversidade, que inclui aquela da típica mulher brasileira.
E agradeço a nova-querida-amiga Luciana por ter me atentado para esse fato. E chega de comentar mulher-fruta por aqui.

Anúncios