O bonequinho informa: Produtor de “Na cama” acusa diretor de “Entre lençóis” de plágio.

Não te disse?
Essa coisa de plágio costuma ser bastante questionável, e muitas vezes é difícil traçar o limite entre plágio e inspiração. Costumo ser a favor de muita gente acusada de plágio – injustamente, na minha opinião. Como nesse caso, aqui já comentado. Para mim, é claro que Vanessa inspirou-se em Diane Arbus. E só.

Nem vi “Entre lençóis”, mas neste caso tenho certeza que – se não foi aprovado pelo chileno – é plágio. E ainda com o produtor chileno afirmando que o colombiano tentou, sem sucesso, comprar os direitos de “Na cama” para uma versão… Já disse e repito: acho feio, muito feio.

Anúncios